BLOG

Relatos ilustrados de nossos roteiros

Você esta aqui:

April10

WORKSHOP | Olha o Passarinho!

 

 

Nos dias 05 a 08 de abril, a convite do Circuito Turístico Serras de Ibitipoca, estivemos no Parque Estadual do Ibitipoca levando nossa oficina Olha o Passarinho! A Observação de Aves como oportunidade de negócio. A oficina também teve apoio do Clube de Observadores de Juiz de Fora e da Reserva do Ibitipoca. Destinada a profissionais e instituições do turismo, a oficina tem o objetivo de apresentar as características da observação de aves e o perfil de seus praticantes, a fim de entender como se preparar para atrair e receber esse tipo de turista. Estiveram presentes cerca de 50 pessoas, entre servidores do parque, guias de turismo, proprietários de agências, pousadas e entusiastas.

 

O Parque Estadual do Ibitipoca está localizado na Zona da Mata, nos municípios de Lima Duarte e Santa Rita do Ibitipoca. Ocupa o alto da Serra do Ibitipoca, uma extensão da Serra da Mantiqueira.Com uma área de 1.488 hectares, a unidade de conservação está no local onde se dividem as bacias do Rio Grande e do Rio Paraíba do Sul. As edificações do Parque Estadual de Ibitipoca passaram por recente reforma e novas instalações melhoraram ainda mais a infra-estrutura de apoio a visitantes e pesquisadores.O Parque possui portaria, estacionamento, área de camping, restaurante, Centros de Visitantes, de Administração e de Pesquisas, casa de hóspedes e alojamentos destinados a pesquisadores e funcionários. As obras foram realizadas com recursos do Projeto de Proteção da Mata Atlântica de Minas Gerais (Promata/MG) que investiu cerca de R$ 2 milhões.

 

ibitipoca 003 ibitipoca 004 ibitipoca 007

 

A oficina é dividida em 3 momentos, sendo os dois primeiros teóricos, onde inicialmente abordamos características gerais sobre a observação de aves e seus praticantes e logo depois falamos sobre o infraestrutura e serviços (guias, hospedagem, transporte, etc.). A grande tarefa era alinhar o conhecimento dos inscritos e abordar os principais aspectos importantes sobre essa atividade. Em ambas as turmas  houve muita troca de experiências e aprendizado.

 

Aspectos de infraestrutura, como instalação de comedouros, hides, decks e mirantes foi o que mais interessou os presentes. O perfil dos observadores de aves (sexo, idade e origem) também chamou bastante atenção, pois são características importantes para a elaboração de roteiros de observação e fotografia se natureza.

 

ibitipoca 016

 

O terceiro momento ocorreu nas manhãs seguintes levamos as duas turmas para uma caminhada pelo parque com o objetivo de mostrar em campo alguns dos aspectos teóricos abordados no dia anterior, Também aproveitamos para debater sobre a postura e a condução do grupo por parte do guia de turismo. Iniciamos a prática percorrendo trechos de campos rupestres e de altitude e neles encontramos várias espécies, das quais destaco sanhaço-de-encontro-amarelo, saíra-lagarta, maria-preta-de-penacho e um belíssimo casal de tiriba.

 

ibitipoca 008 ibitipoca 009 ibitipoca 011 ibitipoca 018ibitipoca 025 ibitipoca 010 ibitipoca 014 ibitipoca 015 ibitipoca 019

 

Visitamos também uma trilha dentro de fragmento de Mata Atlântica que chamou atenção por ter trechos com árvores bastante altas, chegando a cerca de 40 metros de altura. Mesmo estando em grandes grupos caminhando por trilhas apertadas, foi possível avistar e ouvir várias espécies. Destaco a presença do patinho, limpa-folha-de-testa-baia, pica-pau-rei, surucuá-variado entre outros. Uma surpresa foi o encontro com uma fêmea de sabiá-ferreiro, espécie migratória pela primeira vez registrada na região no site Wiki Aves.

 

ibitipoca 022 ibitipoca 021 ibitipoca 020 ibitipoca 017 ibitipoca 013ibitipoca 023

 

Uma grande surpresa foi o encontro com um grupo de 5 indivíduos de guigós (ou sauás). Esses macacos, assim como em outros locais, estavam sumidos e calados desde o último grande surto de febre-amarela que acabou matando muitos animais. Uma grande alegria poder avistar novamente esses animais após mais de 14 meses sem notícia deles.

 

ibitipoca 005 ibitipoca 006

 

Foram 4 dias muito produtivos e conseguimos uma lista de aves de 84 espécies registradas (clique aqui e confira a lista completa). Considerando os grandes grupos e a baixa temporada de atividade das aves, comemoramos muito os resultados alcançados. Reforço a conclusão de que a região tem um enorme potencial para receber observadores de aves.

 

ibitipoca 001 ibitipoca 002

 

Agradeço o convite para ministrar essa oficina. Agradeço também a alta procura pelas vagas e o apoio financeiro e logísticos dos parceiros Circuito Turístico Serras de Ibitipoca e Reserva do Ibitipoca. Por último agradeço aos velhos e novos amigos que me receberam tão bem em sua região.

 

Leve também essa oficina para sua região! Entre em CONTATO e faça uma cotação.

 

Grande abraço e até a próxima!

 

EDU FRANCO

 

  • Posted by Eduardo Franco
  • 7 Tags
  • 0 Comments
COMMENTS