BLOG

Relatos ilustrados de nossos roteiros

Você esta aqui:

August21

NATURE TRIP | Santuário do Caraça 16/ago

 

 

Cortando mais de 1000 quilômetros em Minas Gerais e Bahia, a Serra do Espinhaço é a única cordilheira do Brasil. Coberta por Mata Atlântica, Cerrado e Caatinga, o Espinhaço é também um dos maiores centros de endemismos do mundo. Abrigando paisagens deslumbrantes e biodiversidade riquíssima, o Espinhaço é certamente um dos melhores destinos para observação e fotografia de natureza do mundo. Nessa expedição visitaremos a porção Sul da cordilheira, mais especificamente a Serra do Caraça, que está inserida no Quadrilátero Ferrífero de Minas Gerais. O Complexo Santuário do Caraça é o conjunto de toda a propriedade de 11.233 hectares, onde estão localizados o Conjunto Arquitetônico do Santuário, a área da RPPN (área de 10.187 ha), e partes identificadas pela proprietária como áreas de manejo. No Conjunto Arquitetônico estão a igreja neogótica, o prédio do antigo colégio (hoje museu e biblioteca) e a pousada. Na área de manejo estão localizadas a Fazenda do Engenho, o Buraco da Boiada, a Fazenda do Capivari.

 

No dia 16 de agosto de 2018 recebemos os ecoturistas Jose Eduardo (Cuba), Manuel (México), Michael e Ken (Estados Unidos) para uma rápida parada no Caraça antes de visitarem o Pantanal Norte.

 

Nossos clientes chegaram no dia 15/ago ao Aeroporto Internacional de Confins com algum atraso, devido a problemas com o voo. Rapidamente os recebi e partimos para o Caraça, fazendo uma pequena parada para um lanche. O principal objetivo da viagem era avistar os lobos-guará que visitam o Caraça para comer o alimento que é oferecido diariamente. Ocorre que em algumas oportunidades eles não aparecem ou aparecem bem rapidamente e, portanto, queríamos garantir pelos menos duas noites de tentativas. Para isso precisei apertar o pé na estrada, que por sorte estava com trânsito tranquilo.

 

Chegamos ao Santuário por volta das 18h30 e negociei com a recepção que nosso check-in fosse feito mais tarde, explicando que nossos clientes estavam bastante ansiosos para ver o lobo. A partir do aceite, os levei diretamente para o local e, para minha grata surpresa, o lobo já estava lá esperando sua comida (que é disponibilizada logo após a missa, por volta das 19h30). Expliquei rapidamente como eles deveriam se comportar e os coloquei sentados bem em frente às escadas, para que pudessem ter um bom ângulo para fotografias.

 

Não precisou muito tempo e as primeiras imagens já saíram e, quando finalmente a comida chegou, foi só aproveitar o espetáculo da Hora do Lobo do Santuário do Caraça.

 

 

2018.08.16_001 santuario do caraca

 

Fizemos um rápido intervalo para o jantar e finalmente fazermos o check-in na Pousada do Caraça. Logo após retornamos para frente da igreja, torcendo avistar o lobo novamente. Ele voltou e agora com companhia! Isso, agora eram dois deles lá bem na nossa frente. Foi bem legal observar o que aparentemente era um casal. Em um determinado momento, Ken decidiu tentar fazer um vídeo bem de perto e colocou uma GoPro praticamente dentro da bandeja. O resultado está no vídeo abaixo:

 

 

Fomos presenteados também com dois cachorros-do-mato, que ficaram passeando pelo estacionamento praticamente a noite inteira, mas com pouca coragem para ir até o alimento. Os lobos  limparam a bandeja, não sobrou nem uma lasquinha de osso. Eles retornaram para a mata e nós fomos para nossos quartos.

 

Acordamos bem cedo, ainda de madrugada, para tentar avistar algum outro mamífero nas redondezas do Santuário, mas sem sucesso. Ali mesmo no estacionamento, consegui encontrar uma caburé, que já há algum tempo nidifica nas proximidades. Rendeu excelentes imagens! Aproveitamos e fomos para uma das trilhas em que é possível encontrar com os macacos guigós. Utilizei o playback para tentar atraí-los e após alguns minutos dois grupos responderam. Porém, estranhamente, eles não se mostraram. Ficaram vocalizando escondidos, e não permitiram um avistamento sequer. Bem, já era hora e voltamos para a pousada para o café-da-manhã.

 

2018.08.16_004 santuario do caraca 2018.08.16_002 santuario do caraca 2018.08.16_005 santuario do caraca 2018.08.16_003 santuario do caraca

 

Na volta encontramos com o grande amigo Padre Lauro Palú, um naturalista e fotógrafo extremamente envolvido com a natureza do Caraça, oferecendo comida para alguns jacuaçus e outros animais que aproveitam, como um simpático caxinguelê.

 

2018.08.16_006 santuario do caraca 2018.08.16_009 santuario do caraca

 

Fomos então fazer algumas caminhadas e procurar alguns passarinhos legais para clicar. Topamos então com um dos mais legais do Caraça, o belíssimo surucuá-variado. Deu um trabalho danado até pousar em um galho que rendesse algumas imagens.

 

2018.08.16_008 santuario do caraca 2018.08.16_007 santuario do caraca

 

Aproveitamos o dia inteiro indo atrás de aves, porém elas não estavam lá em seus melhores dias. Pouca atividade e raramente alguma respondia bem ao playback. Resolvi então focar em algumas mais especiais, como o beija-flor-de-gravata-verde, que também não ajudou muito, mas no final resolveu dar algumas chances. Como brinde pela insistência, apareceu também um pequenino papa-moscas-de-costas-cinzentas. Nas proximidades do Santuário também aproveitamos várias viuvinhas, que raramente ficam em uma altura interessante para serem fotografadas.

 

2018.08.16_011 santuario do caraca2018.08.16_010 santuario do caraca 2018.08.16_012 santuario do caraca

 

A final da tarde fomos logo nos posicionando para ver s lobos novamente e eles deram um show. Em determinado momento chegamos a ver três deles lá em cima, algo pouco comum.

 

2018.08.16_013 santuario do caraca2018.08.16_014 santuario do caraca

 

Encerramos nossa viagem na manhã seguinte, partindo para o aeroporto logo após o café-da-manhã. Foi uma viagem muito rápida, mas com resultados dentro do esperado, sobretudo para uma época em que os passarinhos estão bastante quietos.

 

2018.08.16_015 santuario do caraca 2018.08.16_016 santuario do caraca

 

Muito obrigado ao Fred Tavares da Brasil Aventuras pela confiança e parceria. Obrigado também a todos os amigos do Santuário do Caraça pelo apoio de sempre.

 

Grande abraço,

 

Edu Franco 

  • Posted by Eduardo Franco
  • 4 Tags
  • 0 Comments
COMMENTS